lavanderia de hotel propria ou terceirizada

Lavanderia de hotel: própria ou terceirizada?

Oferecer uma experiência única, com serviços de qualidade e excelência, é um dos grandes trunfos para conquistar hóspedes. Sendo assim, o gestor deve ter muita cautela ao decidir pelo método de prestação de determinados serviços. No caso da lavagem de roupas, por exemplo, o que seria mais interessante? Contar com uma lavanderia de hotel própria ou terceirizada?

Mesmo não sendo um dos grandes responsáveis pelo custo do empreendimento, o sistema de lavagem de roupas é parte importante da boa reputação de um hotel. Em seus quartos, os hóspedes esperam por peças asseadas, esterilizadas e confortáveis.

Está em dúvida sobre qual modelo optar? Fique conosco e saiba qual é a melhor opção de contratação para os serviços de lavanderia de hotel.

O que avaliar antes de escolher entre lavanderia de hotel própria ou terceirizada?

Há algumas reflexões que você deve fazer antes de escolher entre lavanderia própria ou terceirizada. Um deles se refere à disponibilidade dos serviços e entrega imediata aos hóspedes.

Você busca uma lavanderia que atende apenas à demanda interna do hotel, com a lavagem de lençol, toalhas de banho, de mesa e fronhas, ou também pretende estender os serviços às peças dos hóspedes?

Se a segunda opção for a sua escolha, talvez manter uma lavanderia proporcione mais agilidade, uma vez que o serviço será concluído internamente. Em contrapartida, uma lavanderia terceirizada precisará retirar as peças, lavá-las e devolvê-las ao hotel, o que exigirá mais tempo.

Agora, veja o que você deve colocar na ponta do lápis antes de escolher entre uma lavanderia de hotel própria ou terceirizada.

Avaliação dos custos

Além de todo o maquinário necessário para implementar uma lavanderia de hotel, o gestor deve ter em mente os demais custos envolvidos no processo.

Água, energia elétrica, mão de obra qualificada, produtos para a lavagem das peças e manutenção de equipamentos são alguns dos aspectos que devem ser avaliados.

Complementando o gerenciamento das atividades, a equipe precisará de supervisão total, de preferência realizada por um gestor que domine o segmento e esteja atento à qualidade dos serviços.

Por outro lado, contratar uma lavanderia terceirizada reduziria esses custos e preocupações. Quando há um contrato, ela se torna responsável por toda a gestão das atividades, desde a aquisição de insumos até a contratação e supervisão dos funcionários.

Espaço disponível

Uma lavanderia de hotel requer muito espaço!

É essencial entender como espaço disponível aquele que não seja realmente útil para o estabelecimento, ou seja, que não será utilizado de forma alguma para atividades que gerem receita.

Se o seu estabelecimento não tem esse espaço, optar pela terceirização pode ser a melhor decisão. Um setor próprio, nestes casos, poderá atender demandas menores, como peças únicas dos hóspedes.

Uso de recursos naturais

Do ponto de vista sustentável, a lavanderia de hotel pode se tornar uma grande vilã do meio ambiente. Questões como equipamentos que gastam muitos recursos e produtos que não são biodegradáveis geram um grande ruído na gestão.

Enquanto as lavanderias terceirizadas têm protocolos sustentáveis, nem sempre é simples adotar tais práticas dentro de um hotel.

Ao terceirizar o serviço, porém, é importante conhecer a estrutura da lavanderia, os produtos utilizados e, principalmente, o seu descarte. Assim, você, enquanto gestor, manterá o seu comprometimento com o meio ambiente.

Demanda para lavagem

Se o seu hotel lava poucas peças, pode parecer sem sentido implementar uma lavanderia própria, certo? Afinal, os custos para a manutenção do serviço serão infinitamente superiores à demanda.

Ao optar por um dos modelos, faça um levantamento da quantidade de peças lavadas semanalmente, por exemplo. Dessa maneira, você poderá visualizar a real necessidade do hotel e tomará a melhor decisão.

Qual é a melhor opção: ter lavanderia própria ou terceirizada?

Avaliando o perfil e as particularidades do negócio, bem como as características de cada opção, você chegou a uma conclusão? Independentemente de qual seja, crie um planejamento para a implementação do serviço.

No caso da lavanderia de hotel, o seu foco será na escolha de equipamentos, análise dos requisitos técnicos para instalação e elaboração de um fluxo de trabalho que atenda às demandas do negócio.

Se a sua opção for terceirizar o serviço, a preocupação maior será com a pesquisa de fornecedores que estejam alinhados às suas expectativas.

Além de conhecer pessoalmente as empresas, vale solicitar referências de outros clientes e se atentar a questões como prazos de entrega, retirada e devolução e, principalmente, padrões de qualidade propostos pelo hotel aos seus hóspedes. Estes conceitos devem ser seguidos pela lavanderia parceira.

Comparando e avaliando os principais pontos de discussão entre as lavanderias terceirizadas e próprias, é possível definir o método que melhor atende o seu hotel. Em ambos os casos, o que vale, na verdade, é propor um serviço de excelência que agregue valor ao estabelecimento.

Gostou do artigo? Para continuar recebendo conteúdos que otimizarão a sua gestão hoteleira, acompanhe as nossas redes sociais: Facebook e LinkedIn!

0 respostas

Deixe uma resposta

Quer entrar na discussão?
Sinta-se livre para contribuir!

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.